eTalks #1 - Deixar o COVID-19 fora de portas na reabertura das Escolas

 “Se não te sentes confuso com o COVID significa que não andas informado”

Foi com esta citação que André Lima da AAGE começou ontem este primeiro ciclo de conversas online para as Escolas.

São muitas as informações (e desinformação) que nos chegam sobre o COVID-19. De diferentes entidades, meios de comunicação, organismos públicos, são apresentadas informações tão dispares que nos fazem ficar com a sensação de que quanta mais informação nós temos um bocadinho mais confusos nós ficamos.
Agora, com o regresso eminente dos alunos às escolas, levanta-se a dúvida sobre qual o caminho que as Escolas devem tomar e que orientações devem efetivamente seguir.

Foi precisamente para ajudar quem tem de preparar o regresso dos alunos às Escolas que convidamos o André Lima a partilhar a sua experiência enquanto Consultor em Prevenção e Emergência nas Escolas.
Segundo um artigo publicado no British Medical Journal, uma percentagem considerável de infetados com o COVID-19 (78%) não apresenta os sintomas mais comuns associados a este vírus (tosse seca, febre e falta de ar), isto significa que teremos de estar sempre mais alerta, que respeitemos e melhoremos continuamente as medidas preventivas na Escola. Ter uma equipa multidisciplinar, composta por diferentes elementos da comunidade educativa (direção, serviços administrativos, auxiliares de ação educativa, limpeza, pais, alunos, professores) é uma excelente prática, porque permitirá à Escola ter diferentes pontos de vista sobre o plano de proteção e medidas preventivas adotadas, revendo-as/ajustando-as em função do feedback que é dado pela sua comunidade escolar.

A abordagem ao regresso terá sempre de ser assente na prevenção. A adoção de uma cultura de segurança, isto é, deixarmo-nos de nos preocupar apenas com a nossa proteção, mas pensarmos também na proteção dos outros, é a chave para mitigarmos riscos de segurança dentro da própria instituição.

Durante a apresentação, o André Lima teve a oportunidade de partilhar algumas orientações e pareceres sobre o plano de prevenção que cada Escola terá de ter. Salientou ainda quais os procedimentos a adotar em casos suspeitos e ainda houve tempo para responder a algumas das muitas questões que foram colocadas pelas Escolas participantes.

Toda a informação partilhada neste webinar (apresentação, documentos orientadores, respostas às questões que surgiram) será disponibilizada a todas as Escolas que se inscreveram. Para as Escolas que não tiveram oportunidade de se juntar a nós, poderão também receber toda a informação, para isso, bastará enviar um email para a Codevision (etalks@codevision.pt).